Sábado, 29 de Janeiro de 2022 05:15 84 98733 4107
Esportes Volei

CBV fecha contrato com a Globo para transmissão de competições do vôlei brasileiro até 2024

Acerto garante maior diversidade de eventos transmitidos no SporTV, possibilidade de novas receitas e ampliação do pacote de jogos do Canal Vôlei Brasil

23/12/2021 17h26 Atualizada há 1 mês
36
Por: Adrovando Claro Fonte: CBV
foto: Adrovando Claro
foto: Adrovando Claro

Os craques das quadras e da praia estarão em ação no SporTV até o final de 2024. Nesta quarta-feira, dia 22, a Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) fechou novo contrato com a Globo para transmissão de competições como as Superligas A e B, Copa Brasil, Supercopa, amistosos de seleção, e as etapas do Circuito Brasileiro de vôlei de praia. O acerto garante à CBV maior diversidade de eventos transmitidos no SporTV, possibilidade de novas receitas e ampliação do pacote de jogos oferecidos pelo Canal Vôlei Brasil.  

“Estamos muito satisfeitos com esse novo acordo com a Globo, parceira de longa data do vôlei brasileiro. Os fãs terão ainda mais jogos ao vivo no SporTV e também valorizamos o nosso Canal Vôlei Brasil, que passa a transmitir partidas decisivas da Superliga e se torna ainda mais atrativo. A maior flexibilidade para a venda de direitos internacionais também foi um passo importante para a valorização de nossos produtos”, explica Radamés Lattari, vice-presidente da CBV.

Com o novo acordo, o SporTV transmitirá também jogos das semifinais da Superliga B e das quartas de finais da Copa Brasil, que reúne os oito melhores times do primeiro turno da Superliga, e da Supercopa, entre os campeões da Superliga e da Copa Brasil. O Canal Vôlei Brasil, streaming próprio da CBV, também terá mais jogos decisivos da Superliga disponíveis para seus assinantes. Já a partir desta temporada 2021/2022, o canal poderá transmitir partidas dos playoffs e as disputas finais das competições masculina e feminina. Um aumento de 15% no número de jogos oferecido no pacote.   

A CBV também garantiu o direito de venda internacional das partidas transmitidas pela Globo, o que significa um pacote mais completo e permite acordos mais rentáveis na licitação dos direitos de transmissão para plataformas de apostas. No caso da Superliga, a melhor proposta foi da empresa SportsRadar. O trabalho para aumentar a distribuição nacional e internacional continua.

Ele1 - Criar site de notícias