Quarta, 25 de Maio de 2022 20:16 84 98733 4107
Saúde Vacinas

Instituto Jô Clemente alerta pais para a importância da vacinação infantil contra a Covid-19

Imunização para a faixa etária de 5 a 11 anos teve início no dia 15 de janeiro; crianças com deficiência estão no grupo prioritário

21/01/2022 10h42 Atualizada há 4 meses
70
Por: Adrovando Claro Fonte: Bruna Akemi
 Instituto Jô Clemente alerta pais para a importância da vacinação infantil contra a Covid-19

O Instituto Jô Clemente (IJC) faz um alerta aos pais e responsáveis para a importância da vacinação de crianças entre 5 e 11 anos de idade, que teve início no dia 15 de janeiro e já está disponível na maioria dos estados brasileiros. O Ministério da Saúde havia incluído, no início do ano, essa faixa etária no Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação Contra a Covid-19, após a imunização das crianças com a vacina da Pfizer ter sido autorizada em dezembro pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Crianças com deficiência permanente ou comorbidades têm prioridade na vacinação.

 A Dra. Danielle Christofolli, médica especialista em pediatria e neurologia pediátrica e supervisora do Ambulatório de Diagnóstico do Instituto Jô Clemente, destaca a atenção especial que pais de crianças com deficiência intelectual devem ter quanto à vacinação. “Crianças com deficiência intelectual, em especial moderada e grave, apresentam maior dificuldade em seguir as orientações de higiene, como uso adequado de máscara facial, lavagem correta das mãos, utilização de álcool em gel 70% e cobrir a boca na hora de espirrar ou tossir. Além disso, trata-se de um grupo mais vulnerável a doenças crônicas e outras comorbidades relevantes. Por isso, é ainda mais importante que os pais dessas crianças providenciem a imunização delas”, explica Dra. Danielle.

Vale lembrar que os pais devem estar presentes na imunização dos filhos. Caso isso não seja possível, a aplicação da vacina deve ser autorizada em termo de consentimento assinado por eles.

“É importante destacar também que a vacinação é fundamental para todas as crianças, independentemente de ter algum tipo de deficiência ou comorbidade. Além da questão da saúde, a imunização infantil vai contribuir com a volta das crianças para a escola com maior segurança e também com a retomada gradual de outras atividades de interação social, que são muito importantes no desenvolvimento nessa faixa etária”, completa a médica.

Sobre o Instituto Jô Clemente

O Instituto Jô Clemente é uma Organização da Sociedade Civil sem fins lucrativos que há mais de 60 anos previne e promove a saúde das pessoas com deficiência intelectual, além de apoiar a sua inclusão social e a defesa de seus direitos, produzindo e disseminando conhecimento. Atua desde o nascimento ao processo de envelhecimento, propiciando o desenvolvimento de habilidades e potencialidades que favoreçam a escolaridade e o emprego apoiado, além de oferecer assessoria jurídica às famílias acerca dos direitos das pessoas com deficiência intelectual. Pioneiro no Teste do Pezinho no Brasil e credenciado pelo Ministério da Saúde como Serviço de Referência em Triagem Neonatal, o Laboratório do Instituto Jô Clemente é o maior do Brasil em número de exames realizados e oferece, atualmente, o Teste do Pezinho Ampliado na rede pública do município de São Paulo, contemplando o diagnóstico precoce de pelo menos 50 doenças, incluindo dezenas de condições raras. Por meio do CEPI - Centro de Ensino, Pesquisa e Inovação do Instituto Jô Clemente, a Organização gera e dissemina conhecimento científico sobre deficiência intelectual com pesquisas e cursos de formação.  Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (11) 5080-7000 ou pelo site do IJC.

 

Ele1 - Criar site de notícias